AccueilLe pur et l’impur

Le pur et l’impur

Purity and Impurity

Lo puro y lo impuro

O puro e o impuro

Hamsa. Journal of Judaic and Islamic Studies, nº 2

*  *  *

Publié le vendredi 22 août 2014 par João Fernandes

Résumé

Pur et impur constituent des catégories structurantes dans l’islam et le judaïsme, concernant des vecteurs aussi différents que le corps, l’alimentation, le vêtement ou l’espace lui-même. Le deuxième numéro de la revue Hamsa sera consacré à cette vaste thématique, avec la volonté d’aborder des perspectives historiques diachroniques. En ce sens, du reste, on prétend analyser les relations interconfessionnelles dans les aspects où pureté et impureté se manifestent dans le contact avec l’Autre. Cela ne concerne pas seulement les minorités elles-mêmes, mais se reflète également dans la Christianitas, du fait de l’intériorisation de ces concepts et de leur application aux communautés minoritaires, comme c’est le cas par exemple avec la « pureté de sang ».

Annonce

Argumento

O puro e o impuro constituem-se como categorias estruturantes do islamismo e do judaísmo, abarcando vectores tão díspares como o corpo, a alimentação, o vestuário ou o próprio espaço. O segundo número da revista Hamsa será dedicado a esta temática abrangente, procurando abarcar perspetivas históricas diacrónicas. Neste sentido, de resto, pretende-se potencializar a análise das relações interconfessionais, nas vertentes em que a pureza/impureza se projectam no contacto com o Outro. Vector quenãoapenas respeita às próprias minorias, como também se reflecte na própria Christianitas, através da interiorização desses conceitos e da respectiva aplicação às comunidades minoritárias (como é, por exemplo, o caso da limpeza de sangue).

1. Descreve a política editorial da revista:

Trata-se de uma revista internacional com sistema de arbitragem científica. Pretende publicar trabalhos no domínio da História, Língua e Literatura dos judeus e muçulmanos de matriz ibérica (e áreas relacionadas), que se podem enquadrar no âmbito da análise comparativa. Neste contexto, a H-REJI pretende ser um espaço privilegiado para divulgação de estudos na área: estudos de apresentação e interpretação de novos resultados de pesquisa; de comparação com as trajectórias outros grupos sociais, inclusive com outras diásporas, de reflexão historiográfica, filosófica, antropológica e sociológica.

2. Especifica as áreas de interesse da publicação e o tipo de artigos e outros assuntos que publica:

É objectivo da revista publicar artigos de qualidade na área dos estudos judaicos e islâmicos, com realce para a matriz ibérica, estando aberta à aceitação de propostas diversas naquele âmbito.

A H-REJI comporta as seguintes secções:

Artigos. 
Artigos "convite", e publicação de palestras de oradores convidados.
Edição crítica de documentos.
Recensões críticas.
Universidades e Investigação.

3. Relata os procedimentos de avaliação por pares (peer review) da revista:

Todos os artigos recebidos são objecto das seguintes fases de tratamento:

a) Envio aos 2 directores da revista que apreciam o seu enquadramento global no perfil da revista e sugerem os nomes de 2 relatores;
b) Uma vez acordados estes 2 relatores, o artigo (sem identificação do seu autor), é-lhes enviado solicitando um parecer sobre o seu conteúdo científico. Salvo, nos poucos casos em que ambos os pareceres não contém observações, o teor dos mesmos é enviado aos autores para consideração, reformulação ou fundamentação das respectivas posições;
c) Uma vez recebida a resposta do autor, ou o texto reformulado (consoante o caso), este é enviado de novo aos 2 relatores para apreciação. Existindo uma discrepância de fundo entre o autor e um dos relatores o texto é enviado a um 3º relator ou então, se o teor da discrepância o justificar, o assunto é apreciado conjuntamente pelos directores;
d) Quando é recebida na redacção a concordância dos relatores segue-se a publicação do artigo, sendo preparado, em colaboração com o autor, o layout final;
e) Uma vez terminado o trabalho anterior, o texto enviado é colocado em linha e disponibilizado para a versão de impressão.

4. Especifica o público da revista:

Académicos e estudiosos de diferentes países interessados na área.

5. Especifica as línguas aceites para publicação de textos:

Português, Inglês, Espanhol, Francês e Ladino (neste último caso o autor deve enunciar claramente o sistema de transcrição utilizado). 

6. Especifica os sistemas de transliteração do Hebraico e do Árabe:

6.1. Hebraico - Regras (simples) de transliteração para Português*.

*Em relação a outras línguas os autores devem enunciar o sistema de transliteração seguido. 

6.2. Árabe - Regras (simples) de transliteração para Português*.



*Em relação a outras línguas os autores devem enunciar o sistema de transliteração seguido.

7. Especifica os formatos e as formas de envio do original para a revista:

Os artigos e outras contribuições devem ser enviados em formato digital, preferencialmente em Word, em anexo a um e.mail endereçado aos directores para mfbarros@uevora.pt e simultaneamente para tavim40@hotmail.com.

Os artigos não podem exceder 45.000 caracteres e devem incluir um resumo em Português de 100 palavras e a indicação de 5 palavras-chave, com um duplicado da mesma dimensão em Inglês.

Os artigos deverão ser enviados até dia

31 de Dezembro de 2014

8. Estabelece os padrões de apresentação da revista:

Os artigos e outras contribuições serão apresentadas na revista com a indicação do título, a negrito, no início, ao que se segue o nome, vinculação profissional (se houver) e mail do autor. 

As citações, no texto, deverão vir devidamente assinaladas com "…". Uma citação longa deve ser destacada do texto, com abertura de parágrafo, em carácter 10, e também entre "…".

As notas devem ser colocadas em rodapé. 

Tabelas, quadros, imagens e fotografias deverão ser enviados no mesmo ficheiro, já colocados na posição em que devem sair, e devidamente legendados.

9. Estabelece os padrões para referências bibliográficas da revista:

a) Citação em nota

Livro
Anita Novinsky, Cristãos-Novos na Bahia: A Inquisição, São Paulo, Editora Perspectiva, s.d. (no caso de autor clássico deve-se colocar entre parênteses rectos, a seguir à data da reedição, a data original da publicação).

Citação seguinte da mesma obra: A. Novinsky, Cristãos-Novos …, p.

Estudo ou entrada em obra colectiva
Vincent Barletta, "La literatura aljamiado-morisca: textos, lectura e interacción", inMinorias étnico-religiosas na Península Ibérica. Períodos medieval e moderno, ed. Maria Filomena L. de Barros and José Hinojosa Montalvo, Lisbon, Edições Colibri, 2008.

Citação seguinte do mesmo estudo: V. Barletta, "La literatura aljamiado-morisca …", p.

Artigo em revista
Elena Romero, "Nueva bibliografia de ediciones de obras de teatro sefardíes", Sefarad66 (2006), p ...

Dados arquivísticos
São indicados de forma clara e explícita na primeira nota e abreviados nas seguintes, conforme o exemplo que se segue: "Assento para o dinheiro do cabedal que foi para Cochim", Goa, 7.IV.1630, in Historical Archives of Goa (AHG), Assentos do Conselho da Fazenda, book (liv.) 4, codex (cod.) 1162, folio (fol.) 197.

Citações seguintes: "Assento do Conselho de Estado", Goa, 7.IV.1630, in AHG,Assentos do Conselho da Fazenda, liv. 4, cod. 1162, fol. 197.

No caso do documento estar citado em obra, estudo em obra colectiva ou artigo, procede-se conforme as normas indicadas imediatamente acima, acrescentando-se in e, dependendo dos casos, segue-se os exemplos enunciados para citação de obra, estudo ou artigo. Exemplo de citação: ["document"], in Documentação para a História do Padroado Português do Oriente, Índia (DPPPO, India), ed. A. da Silva Rego, Lisboa, Agência Geral das Colónias, vol. 1, 1948, pp … Como se pode verificar, citações do título de colectâneas documentais também podem ser enunciadas com siglas em notas seguintes.

Evita-se a utilização de passim, ibidem, loc. cit. Idem será utilizado apenas quando na mesma nota surge referência a obras do mesmo autor, em sequência. Ex: S.D. Goiten, "New Ligth on the beginning of the Karim Merchants", in Journal of the Economic and Social History of the Orient, 1 (1958), pp. 175-184; idem, Jews and Arabs: Their contacts Trough the Ages, New York, Schocken Books, 1974, p. 25.

Em relação à utilização de material não especificado aqui e para outras dúvidas, devem consultar os directores da H-REJI.
Dada a pluralidade linguística, cada autor seguirá as suas normas de abreviatura, desde que exemplifique e clarifique o seu procedimento, como se assinala acima.

10. Artigos originais:

Define "artigos originais" e outros tipos de materiais
Os artigos e outras contribuições devem tratar-se de textos originais, não publicados em qualquer outra revista. A documentação a editar deve ter uma abordagem crítica original.

Especifica as secções ou partes que formam um artigo
Os artigos devem ter um resumo e 5 palavras-chave. Devem ser acompanhados de notas de rodapé.

Determina a extensão e outras instruç&otild12-Jun-2014mos 
Os resumos, obrigatoriamente em Português e Inglês, não devem exceder, cada um, as 100 palavras.

11. Formato da revista:

Publicação online anual.

Conselho Científico

  • Luis Bernabé Pons Universidad de Alicante
  • Harm den Boer Universitat Basel 
  • Isabel Drumond Braga Universidade de Lisboa
  • Ahmed Boucharb Université Hassan II
  • David Bunis Hebrew University
  • Francisco Caramelo Universidade Nova de Lisboa
  • Giancarlo Casale University of Minnesota
  • Javier Castaño Consejo Superior de Investigaciones Científicas
  • Judith Cohen York University, Toronto
  • Dejanirah Couto École Pratique des Hautes Études
  • Jocelyne Dakhlia École des Hautes Études en Sciences Sociales
  • João Alves Dias Universidade Nova de Lisboa
  • Paloma Díaz-Mas Consejo Superior de Investigaciones Científicas
  • Maria Antonieta Garcia Universidade da Beira Interior
  • Mercedes García-Arenal Consejo Superior de Investigaciones Científicas
  • Juan Gil Consejo Superior de Investigaciones Científicas
  • Lina Gorenstein Laboratório de Estudos sobre a Intolerância, Universidade de São Paulo
  • David Graizbord University of Arizona
  • Monica Grin Universidade Federal do Rio de Janeiro
  • Joseph Hacker Hebrew University
  • Yosef Kaplan Hebrew University
  • António Lázaro Universidade do Minho
  • Giuseppe Marcocci Scuola Normale Superiore, Pisa
  • Fernando Branco Correia Universidade de Évora / CIDEHUS
  • Manuela Marín Madrid 
  • Elvira Mea Universidade do Porto
  • Nicola Melis Università di Cagliari
  • Jean-Pierre Molénat Directeur de recherche émérite au C.N.R.S - Institut de Recherche et d’Histoire des Textes, section arabe
  • Natalia Muchnik École des Hautes Études en Sciences Sociales
  • Gérard Nahon École Pratique des Hautes Études
  • Anita Waingort Novinsky Directora do Laboratório de Estudos sobre a Intolerância, Universidade de São Paulo
  • Moisés Orfali Bar-Ilan University
  • Salih Özbaran University of Dokus Eylül 
  • Eliezer Papo Sentro Moshe David Gaon de Kultura Djudeo-Espanyola, Ben-Gurion University
  • Hilay Pomeroy University College, London
  • Cristina de la Puente Consejo Superior de Investigaciones Científicas
  • José Augusto Martins Ramos Universidade de Lisboa 
  • Jonathan Ray Georgetown University
  • Fernando Rodriguez Mediano Consejo Superior de Investigaciones Científicas
  • Pilar Romeu Directora da Colección Fuente Clara. Estudios de Cultura Sefardi – Editorial Tirocinio, Espanha
  • Herman Prins Salomon State University of New York at Albany
  • Jonathan Schorsch Columbia University
  • Claude Dov Stuczynski Bar-Ilan University
  • Michael Studmund-Halévy Institut für die Geschichte der deutschen Juden
  • Maria José Ferro Tavares Universidade Aberta 
  • Francesca Trivellato Yale University
  • Ronaldo Vainfas Universidade Federal Fluminense
  • María Jesús Viguera Molín Universidad Complutense de Madrid
  • Berta Waldman Centro de Estudos Judaicos, Universidade de São Paulo
  • Carsten Wilke Eötvös Loránd University
  • Pier Cesare I. Zorattini Università degli Studi di Udine

Dates

  • mardi 30 décembre 2014

Mots-clés

  • judaic, islamic, Hamsa, puro, impuro, purity, impurity

Contacts

  • Barros Maria Filomena Lopes de Barros
    courriel : mfbarros [at] uevora [dot] pt

Source de l'information

  • Maria Filomena Lopes de Barros Barros
    courriel : mfbarros [at] uevora [dot] pt

Pour citer cette annonce

« Le pur et l’impur », Appel à contribution, Calenda, Publié le vendredi 22 août 2014, http://calenda.org/296927