AccueilPesquisa e Infância: desafios que as crianças lançam à etnografia

*  *  *

Publié le mardi 13 septembre 2011 par Marie Pellen

Résumé

Um dos desafios que os Estudos Sociais da Infância colocam aos/às adultos-investigadores/as interessados/as em conhecer as crianças como actores sociais que efectivamente têm uma determinada agency, é o de porem mãos à obra e de tentarem descobrir essa mesma agência pelo uso da Etnografia. O acervo de conhecimento que entretanto existe acerca da diversidade e complexidade dos mundos sociais das crianças e da pluralidade de infâncias atesta o sucesso que este empreendimento tem alcançado. No entanto, isso não significa que a Etnografia presente nos estudos da infância esteja ou seja isenta de problemas epistemológicos, teóricos, metodológicos e éticos que acarretam consequências para a construção social da infância e para o próprio conhecimento que é gerado. Por seu turno, nos textos académicos nem sempre é visível a reflexividade inerente e emergente da prática etnográfica com crianças, que é essencial para esclarecer os processos de produção de conhecimento e para repensar o contributo desta abordagem na contemporaneidade, nas várias disciplinas das Ciências Sociais.

Annonce

Seminário Internacional

3- 4 Novembro 2011

Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação / UP

Keynote speaker: Pia Christensen

Data limite para envio de propostas: 30 de Setembro

CFP (resumido): Um dos desafios que os Estudos Sociais da Infância colocam aos/às adultos-investigadores/as interessados/as em conhecer as crianças como actores sociais que efectivamente têm uma determinada agency, é o de porem mãos à obra e de tentarem descobrir essa mesma agência pelo uso da Etnografia. O acervo de conhecimento que entretanto existe acerca da diversidade e complexidade dos mundos sociais das crianças e da pluralidade de infâncias atesta o sucesso que este empreendimento tem alcançado. No entanto, isso não significa que a Etnografia presente nos estudos da infância esteja ou seja isenta de problemas epistemológicos, teóricos, metodológicos e éticos que acarretam consequências para a construção social da infância e para o próprio conhecimento que é gerado.

Com base na análise da produção científica que hoje em dia faz uso da Etnografia nos vários campos disciplinares a proposta deste Seminário tem a intenção de i) perceber o lugar que as crianças e a infância ocupam nestes estudos e alguns dos paradoxos inerentes ao impacto e tensões que sofrem num espaço-tempo crescentemente globalizado; ii) partilhar e analisar reflexivamente a vivência de dificuldades no nosso próprio fazer etnográfico, em campos disciplinares e contextos de investigação diferentes. Retomamos, assim, a proposta feita no painel organizado no congresso da Associação Portuguesa de Antropologia, em 2009, na expectativa de que os avanços conseguidos nestes dois anos possam ampliar e aprofundar a reflexão então iniciada, juntando-a a outras já em curso nos campos da Sociologia, Educação, Comunicação, etc. Do mesmo modo, estaremos a tentar acompanhar o movimento académico internacional, contribuindo com a especificidade da investigação que se faz em Portugal.

CFP completo: http://www.fpce.up.pt/ciie/infancia/

Organização:

  • Sofia Silva (CIIE-FPCE/UP),
  • Manuela Ferreira (CIIE-FPCE/UP)
  • Ângela Nunes (CRIA-FCSH/UNL)

Lieux

  • Porto Alegre, Brésil

Dates

  • vendredi 30 septembre 2011

Contacts

  • Sofia Silva
    courriel : sofiamsilva [at] fpce [dot] up [dot] pt
  • Manuela Ferreira
    courriel : manuela [at] fpce [dot] up [dot] pt
  • Ângela Nunes
    courriel : angelanns [at] gmail [dot] com

Source de l'information

  • Marie Pellen
    courriel : marie [dot] pellen [at] openedition [dot] org

Pour citer cette annonce

« Pesquisa e Infância: desafios que as crianças lançam à etnografia », Appel à contribution, Calenda, Publié le mardi 13 septembre 2011, http://calenda.org/205283